ACIDENTE-Corpo do motorista carbonizado em acidente passará por identificação no ITEP

O corpo de Jasiel Souza Santos, de 30 anos, natural de Junco do Seridó/PB, que morreu carbonizado após colidir seu carro, um Chevrolet Prisma, de cor preta, ano 2012 e placas HOF-4435/PB, com um VW Golf, de cor branca, ano 2011 e placas NYO-0610/BA, que era conduzido por José Ricardo de Assis Araújo, vai passar por exames na Antropologia do ITEP em Natal, para ser oficialmente identificado.

A colisão aconteceu na RN-086, entre às cidades de Parelhas e Equador, por volta das 16hs30, deste domingo (29).

O veículo Prisma, era ocupado ainda por José Simão, Lucilene Alves, Sheila Alves, Juliana Tomaz. Eles voltavam da região de Carnaúba dos Dantas e seguiam em direção ao Junco. O outro carro, trafegava no sentido contrário.

A colisão foi tão violenta que o motor do Golf, foi arrancado ficando a alguns metros de distância. Também, por isso, o motorista foi encontrado na mala do carro

Dois policias militares, recém formados, que viajavam para Natal e tinha errado a estrada, foram os primeiros a prestar socorro às vítimas. Alguns minutos depois, chegou ao local, o Cabo PM Fernando Silva. Os três retiraram as pessoas de dentro dos carros em chamas, com exceção de Jasiel. As pernas dele estavam presas às ferragens, o que dificultou o socorro. O fogo se alastrou rapidamente o consumiu.

Todos foram levados para o Hospital da cidade de Equador, depois para o do Junco do Seridó e em seguida para Campina Grande.

SIDNEY SILVA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *