CRIANÇA ERA MANTIDA EM CÁRCERE NUM BARRIL ACORRENTADA . APÓS DENÚNCIA POLICIA RESGATA O GAROTO DE 12 ANOS

Policiais que resgataram o menino de 11 anos que era torturado pelo pai em um barril, em Campinas (SP), relataram que ele era alimentado com casca de banana. A criança foi encontrada com as mãos e pés acorrentados dentro de um barril de ferro no último sábado (30). O Conselho Tutelar já acompanhava o caso há, pelo menos, um ano.

A Polícia Militar foi ao local após denúncia de vizinhos e três pessoas foram presas suspeitas pelo crime de tortura, o pai do menino, a namorada dele e a filha desta mulher. O caso foi registrado na 2ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), no Jardim Londres.

O menino estava nu, dentro de um tambor de metal fechado com uma pia pesada. O vídeo do momento em que ele é encontrado mostra que a criança mal conseguia se mexer quando foi encontrada. Ele tinha a cintura, pés e mãos acorrentados.

Ainda segundo a Polícia Civil, o pai disse em depoimento que o filho é muito agitado, agressivo e fugia de casa. Ele alegou que fez isso para educar o menino.

Segundo a PM, o menino era mantido em pé no espaço onde também fazia necessidades fisiológicas. O local era coberto por uma telha e havia uma pia de mármore por cima para impedir a saída dele.

A corporação diz que foi acionada após moradores da região perceberam que o garoto havia deixado de ir para a escola e de brincar com outras crianças do bairro. Os policiais contam que entraram na casa após autorização da jovem de 22 anos, que é filha da namorada do pai do menino.

Do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *