VALORIZANDO A POESIA POPULAR

EU FUI NA LUA E VOLTEI
CONFESSO QUE NÃO GOSTEI
É DE NÃO ACREDITAR

POR QUE

ELA LÁ É ESQUISITA
POIS ELA SÓ É BONITA
OLHANDO DAQUI PRA LÁ
ELA LÁ É DIFERENTE
NÃO É NOVA
NÃO É CRESENTE
NÃO É MINGUANTE E NEM CHEIA

EU OLHEI PRA TODO CANTO
NÃO VI CAVALO E NEM SANTO
CREDO QUE COISA FEIA
Poema – A Lua – Autor – Pedro de Arnô

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *