POLICIA-Procuradora de Justiça aposentada é vítima de golpe de falso sequestro em Natal

Uma idosa de 78 anos foi vítima de um golpe de falso sequestro na manhã desta terça-feira (13) em Natal. A procuradora de justiça aposentada recebeu uma ligação de criminosos que se passaram por um de seus filhos e por sequestradores e exigiram dinheiro para poder libertar o suposto sequestrado.

A vítima chegou a fazer uma transferência bancária e sacou dinheiro para entregar aos bandidos, mas foi interceptada pela polícia e levada para casa.

Segundo um neto da vítima, que deu entrevista à Inter TV Cabugi, mas pediu para não ser identificado, a mulher recebeu uma ligação no telefone de casa. “Alguém ligou chamando por “mãe” e a secretária acreditou que era um dos filhos e passou para ela (a vítima). Disse que nessa ligação ela começou a ficar nervosa, falando de assalto, pegou o carro e saiu”, relatou o neto.

A família foi informada da atitude e acionou a polícia para procurar a idosa. “Eu recebi uma ligação do meu tio perguntando se a gente estava bem, porque minha avó tinha saído de casa dizendo que alguém tinha sofrido um assalto. A gente falou que estava bem e ligamos para outro tio que também estava bem. Ai já surgiu a suspeita de um golpe”, relatou o neto.

Sozinha, a aposentada foi a instituições financeiras e fez transações bancárias. “O que a gente sabe é que ela fez uma transferência e um saque”, contou o neto.

A mulher seguia ao encontro de criminosos, mas foi encontrada por policiais militares e agentes da guarda municipal na avenida Prudente de Morais, na capital, onde foi interceptada.

O neto relatou que a mulher estava transtornada, por acreditar que o filho estava sob perigo, e só saiu do veículo quando conseguiu falar com ele e receber a confirmação de que ele estava bem. A vítima foi levada para casa para descansar um pouco antes de ir a uma delegacia prestar queixa pelo crime.

Os valores transferidos e sacados não foram informados.

G1 RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: