Fátima sobre aliança com MDB e PDT: “vou seguir os passos do presidente Lula”

Em entrevista ao Foro de Moscow a governadora Fátima Bezerra (PT) declarou que vai seguir a estratégia do presidente Lula de compor com a centro direita nas eleições de 2022. “Aí eu vou seguir os passos do presidente Lula. Se nosso líder maior, no plano nacional, está dizendo que a gente não pode correr riscos e tem que ter essa grandeza”, justificou.

Ela disse estar aberta para compor com partidos que concordam com as mudanças que a gestão dela está fazendo.“A gente tem um projeto em curso e se os partidos concordam com as mudanças que estamos fazendo que busca o crescimento da economia com justiça social porque que nós não vamos conversar?”, indagou.

A petista deixou bem claro qual a restrição dela para alianças: “Aqui não cabe o bolsonarismo”.

Fátima disse que está focada na gestão e que as negociações com MDB e PDT só terão um desfecho no ano que vem. “Composição de chapa é coisa para o ano que vem e evidentemente que a governadora não vai abrir mão de tomar a sua posição, mas vai ser uma coisa construída e compartilhada com os partidos”, frisou.

BRUNO BARRETO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.