Morre adolescente de 14 anos que estava na fila de espera por UTI Covid pediátrica no RN


Um adolescente de 14 anos que aguardava vaga em um leito pediátrico de UTI Covid, morreu nesta sexta-feira (28,) no município de São Tomé, na região do Trairí, no Rio Grande do Norte.
Geovani Augusto, de 14 anos, tinha paralisia cerebral, estava com covid-19 e precisava de um leito de UTI, mas ainda integrava uma lista de espera por leitos críticos.
Ele estava internado desde a última quarta-feira (26) em um leito clínico na unidade mista de saúde do município de São Tomé.
O sistema de regulação chegou a conseguir uma vaga no hospital regional de Currais Novos, mas a unidade não recebeu o menino por não ter estrutura com leito de UTI pediátrico.
Houve tentativa de conseguir uma transferência para o hospital Maria Alice Fernandes, em Natal, mas não havia vaga.
De acordo com a Secretaria de Estado e Saúde Pública (Sesap), nesta sexta-feira (28), todos os leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para Covid-19 disponibilizados ao público infantil na rede pública de saúde do RN estão ocupados.
O sistema de regulação chegou a conseguir uma vaga no hospital regional de Currais Novos, mas a unidade não recebeu o menino por não ter estrutura com leito de UTI pediátrico.
Houve tentativa de conseguir uma transferência para o hospital Maria Alice Fernandes, em Natal, mas não havia vaga.
De acordo com a Secretaria de Estado e Saúde Pública (Sesap), nesta sexta-feira (28), todos os leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para Covid-19 disponibilizados ao público infantil na rede pública de saúde do RN estão ocupados.

Por g1 RN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.