PM resgata jovem mantida em cativeiro que seria julgada e morta pelo ‘Tribunal do Crime’ no RN e prende três pessoas

Policiais militares resgataram uma jovem que foi mantida em cativeiro, ontem (18), em Macau, no interior do RN. A vítima informou ser dependente química e teria sido sequestrada por causa de dívidas com traficantes. Após denúncia ao Copom, os agentes de segurança se deslocaram até o local, prenderam suspeitos e apreenderam vários materiais.

A jovem relatou aos policiais que foi amarrada, agredida e mantida presa sem comer e beber desde a última quinta-feira (17). A mulher foi resgatada em uma residência situada no Beco do Siri, mais precisamente no bairro Valadão.

Os militares conseguiram capturar três suspeitos que ainda tentaram fugir do local, porém foram reconhecidos e apontados pela vítima como os responsáveis pelo crime. Em depoimento na delegacia, a mulher contou que os acusados iriam “julgá-la e depois eliminá-la”.

Os homens estavam portando um revólver calibre 22, um rádio comunicador HT, um cigarro de maconha, duas trouxinhas de maconha, dois celulares e o valor de R$ 201,00 em dinheiro fracionado.

Na mesma ocasião, uma foragida da justiça também foi presa na região, mas não há informações se ela tinha envolvimento com o sequestro da jovem.

Todo o material apreendido, junto com os suspeitos e a vítima foram encaminhados para a Delegacia de Plantão de Mossoró para que sejam feitos os procedimentos cabíveis.

A prisão foi coordenada pelo Comando de Policiamento Regional IV, na área da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), através da ação do Grupo Tático Operacional (GTO) do 1º Pelotão de Macau.

96 FM Natal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.