Nelter Queiroz busca celeridade para obras em trecho de acesso à Serra João do Vale

Buscando o início das obras da estrada de acesso à Serra João do Vale, localizada na divisão territorial entre os municípios de Jucurutu e Triunfo Potiguar, o deputado Nelter Queiroz (PSDB) fez um apelo ao Governo do Estado, durante a sessão plenária desta quarta-feira (18), pela celeridade na análise e liberação da licença ambiental para o projeto. De acordo com o parlamentar, a documentação para liberação da obra será enviada na próxima semana pela empresa responsável ao Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do RN (Idema).

“A minha luta nos últimos anos desse mandato é pela construção da estrada da Serra João do Vale, um trecho licitado ainda nos governos Wilma-Iberê. Consegui com a governadora Fátima Bezerra (PT) destratar a obra para que ficasse sem contrato, foi quando viabilizei, no ano passado, com o ministro Rogério Marinho, recursos do Ministério do Desenvolvimento para a obra – que teve a ordem de serviço emitida em fevereiro desse ano”, disse Nelter.

De acordo com ele, o início das obras depende agora da emissão de uma licença de supressão vegetal a ser emitida pelo Idema. Contudo, o parlamentar salienta que a empresa responsável pelas obras já deu entrada no pedido junto ao órgão ambiental, mas que esse solicitou que sejam entregues alguns outros documentos. 

“Essa documentação pendente está sendo providenciada e até semana que vem deve ser entregue ao Idema. Feito isso, reforço meu apelo à governadora Fátima para que interceda junto ao órgão ambiental buscando agilidade na emissão da licença para essa obra que beneficia os municípios de Jucurutu, Triunfo Potiguar e toda a região”, afirmou.

EMENDAS PARLAMENTARES

Ao final do pronunciamento, Nelter voltou a cobrar do Governo do Estado a liberação de duas emendas parlamentares destinadas por ele para beneficiar entidades do município do Assu. “As emendas são de apenas R$ 50 mil. Uma para a Associação do Camaleão, time de futebol local, e uma outra para a Associação Irmã Lindalva”, pontuou o deputado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.