Nelter cobra melhorias na saúde, volta a criticar situação de estradas e taxas cobradas pela CAERN

O deputado Nelter Queiroz (PSDB) usou a sua inscrição nesta quinta-feira (2), em horário reservado aos líderes partidários, na Assembleia Legislativa, para fazer críticas ao setor de saúde do Estado com base em informações passadas pela mãe de uma paciente que se encontra internada em uma UPA na cidade de Assú, aguardando vaga para se submeter a uma cirurgia em Mossoró.

“A paciente Fernada Patrícia, de 20 anos, está internada na UPA de Assú há mais de 24 horas, esperando para ser transferida para fazer uma cirurgia de emergência em Mossoró. Ela está com pancreatite aguda grave. A mãe da paciente, Rosicleide Fernanda Patrícia postou hoje nas redes sociais a necessidade da operação de urgência porque a filha tem pedra na vesícula e a pedra obstruiu uma veia e não foi transferida ainda porque depende do Sistema”, disse Nelter reproduzindo a postagem da mãe da paciente.

O deputado continuou o seu discurso dizendo que isso dói e que quase todos os dias recebe reclamações de várias cidades do Estado porque a saúde está esquecida pelo governo que não chega com ações para atender os pacientes. “Faço um apelo em nome da mãe de Fernanda Patrícia: governadora Fátima, abra o seu coração e resolva o problema da saúde do povo, porque ninguém aguenta mais” registrou o deputado.

Em seu pronunciamento, Nélter também reclamou da falta de recuperação das estradas, que estão “só no papel” com assinaturas de ordens de serviços e que as obras não começam. Questionou ainda a atuação da CAERN que, segundo ele, tem dinheiro em caixa e não investe em água para o sertão. “Além disso cobra uma tarifa muito alta para religação de uma rede cortada, enquanto a Cosern, que é uma empresa privada, cobra uma taxa bem abaixo das praticadas pela Companhia de Águas e Esgotos”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.