PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DO SERIDÓ DEU INÍCIO AO CORTE DE TERRA 2024

Uma das etapas mais aguardadas pelo agricultor é o preparo do terreno para aproveitar o período de chuvas e iniciar o plantio de suas sementes.

O corte de terra é uma ferramenta essencial para a preparação do solo, contribuindo significativamente para a produtividade da lavoura ao facilitar a infiltração da água, deixando o solo pronto para o plantio.

A administração municipal de São José do Seridó, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Pesca e Recursos Hídricos (SEMAPE), deu início ao programa de corte de terra para o ano de 2024. Neste ano, a SEMAPE mobilizou três tratores para fornecer suporte ao corte de terra, agilizando assim a prestação deste serviço aos agricultores.

O objetivo da administração municipal de São José do Seridó é aproveitar o período chuvoso como incentivo para que os agricultores executem o plantio de suas sementes.A prefeitura Municipal de São José do Serdó disponibilizará 2 horas de trator a cada agricultor.

De acordo com Joel Dantas, coordenador da Secretaria, o programa de Corte de Terras abrangerá toda a zona rural do município de São José do Seridó. Os agricultores interessados ainda podem se cadastrar na SEMAPE de segunda a sexta-feira, no horário das 7h às 13h, onde serão disponibilizadas duas horas de trator para cada participante do programa. Joel Dantas esclareceu que os agricultores devem apresentar apenas RG e CPF no ato do cadastro.

FONTE- ASSESSORIA DE IMPRENSA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO SERIDÓ-RN

SEMAP INFORMA  AOS BENEFICIADOS QUE OS BOLETOS DO GARANTIA SAFRA JÁ ESTÃO DISPONÍVEIS

A SEMAPE ( Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Pesca e Recursos Hídricos) do Município de São José do Seridó-RN está informando aos beneficiados pelo programa Garantia Safra que os boletos já estão disponíveis na sede da secretaria, na sede da Secretaria, na rua Joaquim Loló, prédio da EMATER local.
Estes boletos devem ser pagos  e sua retirada pode ser feita na SEMAPE no horário de funcionamento (Das 7 ás 13 horas) de Segunda à Sexta-feira. O vencimento dos boletos é no dia 1º de Março de 2024.
O Programa Garantia Safra do Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA) é um benefício social pago aos pequenos produtores rurais com baixa renda de municípios sistematicamente sujeitos a perdas no campo decorrentes de fenômenos naturais, como secas severas ou excesso hídrico.
Em São José do Seridó o Garantia Safra e coordenado pela prefeitura municipal,através da SEMAPE e EMATER local.

 

 

AGRO SERTÃO INICIOU SUAS ATIVIDADES PARA 2024 NA CAATINGA GRANDE


Nesta quarta feira (7) , no período matutino as atenções estiveram voltadas para o assentamento agrário Seridó/Caatinga Grande, na zona rural de São José do Seridó-RN.
Nesta ação foi realizado o III Módulo da Unidade do Projeto Agro-Sertão.
A programação iniciou logo as 7 horas da manhã com café da manhã e recepção aos representantes das cidades beneficiadas pelo projeto.
As 8 horas teve a abertura do evento com a presença de representatividade das instituições parceiras (Prefeitura Municipal , Instituto Riachuelo, EMBRAPA, SEBRAE,BB,agentes dos municípios  e demais instituições presentes.
Após a fala dos representantes que formaram a mesa de autoridades teve visita in loco ao campo.
O prefeito Jackson Dantas e o vice prefeito Ricardo Medeiros, foram representados pelo secretário municipal de agricultura, Mariozam Medeiros.

 

GRUPO DE AGRICULTORES FAMILIARES MANTÉM ATIVA FEIRA AGRO-ECOLÓGICA EM SÃO JOSÉ DO SERIDÓ

FOTO ILUSTRATIVA

Agricultores  e agricultoras familiares  de São José do Seridó-RN, mantém a mais de 10 anos, toda quinta-feira, uma das feiras mais importante do municipio.

A feira consiste na venda legumes, frutos  e verduras  produzidos sem o uso de agrotóxico além de outros  produtos fabricados por agricultores e agricultoras familiares como queijo, doce, fuba, bolos e dentre outras produções, todas 100% natural.

A feira agro ecológica de  São José do Seridó acontece toda quinta feira, na praça de eventos Edilza Dias ,nas primeiras horas do dia.

SEMAPE DAR CONTINUIDADE AO CADASTRAMENTO PARA O CORTE DE TERRA 2024 EM SÃO JOSÉ DO SERIDÓ

A SEMAPE- Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Pesca e Recursos Hídricos (Semape) de São José do Seridó,está dando andamento ao cadastramento de agricultores locais que desejam participar do Programa do Corte de Terra, edição 2024.

O ‘’Corte de Terra” é uma ferramenta de preparação de solo que ajuda na produtividade da lavoura,visa ajudar e incetivar o agricultor a ter exito na sua produção.

Os agricultores serão atendidos na sede da secretaria de agricultura, na rua Joaquim Loló,prédio da EMATER.

Os interessados poderão buscar realizar seu cadastro no horário de funcionamento (das 7 da manhã as 13 horas) de Segunda à sexta-feira na sede da SEMAPE, no prédio da EMATER local.

È importante que beneficiado esteja munido de documentos como CPF e o documento da propriedade, se for comodatário apresentar o documento do proprietário.

‘’Estamos buscando agilizar estas inscrições para que os nossos agricultores possam ser atendidos com mais tranquilidade e que o corte de terra ocorra em tempo hábil para que  assim o agricultor possa dar inicio a suas plantações , aproveitando a chegada das chuvas em sua comunidade’’’-Ressalta o secretário de agricultura, Mariozam Medeiros dos Anjos.

INSCRIÇÕES PARA O CORTE DE TERRA 2024 JÁ FORAM INICIADAS


A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Pesca e Recursos Hídricos (Semape) de São José do Seridó,inicio no  ultimo  dia 28 de dezembro de 2023, o cadastramento de agricultores locais que desejam participar do Programa do Corte de Terra, edição 2024.

O  ‘’Corte de Terra’’  é uma ferramenta de preparação de solo que ajuda na produtividade da lavoura,visa ajudar e incetivar o agricultor a ter exito na sua produção.

O  agrilcutor  pode procurar a sede da secretaria de agricultura, na rua Joaquim Loló,prédio da EMATER, no horário de funcionamento (das 7 da manhã as 13 horas) de Segunda à sexta-feira e realizar o seu cadastro para o corte de terra.

O beneficiado deve procurar a sede da referida secretaria munido de documentos como CPF e o documento da propriedade, se for comodatário apresentar o documento do proprietário.

Governo do RN cobra prazo para conclusão de Passagem das Traíras e Adutoras


Para tratar das obras referentes à Barragem Passagem das Traíras, Projeto Seridó (Adutora Seridó), Adutora Agreste, Barragem Oiticica e do PISF – Projeto de Integração de Águas do Rio São Francisco, a governadora Fátima Bezerra se reuniu nesta terça-feira (26) com representantes do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR), do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS, da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (CODEVASF) e das construtoras contratadas.

“Estamos aqui para tratar da infraestrutura e segurança hídrica do Rio Grande do Norte. Água é vital para desenvolvimento humano e econômico. Temos muitas obras em parceria com o Governo Federal. A começar pela Transposição de Águas do São Francisco com a conclusão do ramal Apodi em 2025, a Barragem Oiticica, em Jucurutu, que será inaugurada em junho de 2024, a barragem Passagem das Traíras, em São José do Seridó, e as adutoras Seridó e Agreste”, registrou a governadora Fátima Bezerra ao abrir a reunião no auditório da Governadoria.

Diante de Giuseppe Serra, secretário nacional de segurança hídrica do MIDR; de Lindberg Tinoco, superintendente da CODEVASF; Fernando Leão, Diretor geral do DNOCS; Luiz Hernani, Diretor de infraestrutura hídrica do Dnocs; Bárbara Catharine, chefe de gabinete da SNSH/MIDR; Rodrigo Sarmento, diretor da construtora RCA que executa as obras na barragem Passagem das Traíras; Ricardo Maia, gerente de campo do Consórcio Águas do Seridó (formado por duas construtoras do RN, uma da Paraíba e uma do Rio de Janeiro), que constrói a adutora Seridó, Fátima disse que era imprescindível “definir um calendário assertivo de compromisso com o povo do RN para conclusão e entrega das obras, comprometendo autoridades públicas e dirigentes das construtoras”.

As obras de recuperação da barragem Passagem das Traíras foram retiradas da gestão do Governo do Estado para o DNOCS há três anos. Passagem das Taíras, que deveria estar concluída neste mês de dezembro, é considerada principal prioridade pela Governadora. O diretor da construtora RCA, Rodrigo Sarmento se comprometeu a entregar as obras civis até março. Mas o DNOCS realizou apenas no último dia 22 a licitação para contratação do sistema de comportas, tubulação e dispersão de água, conjunto tecnicamente denominado hidromecânico.

Paulo Varella, secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, reforçou que “precisamos da definição efetiva de prazos com clareza pelo DNOCS sobre a execução das obras, especialmente adutora Seridó e Passagem das Traíras”.

O deputado federal Fernando Mineiro definiu como preocupante a situação atual do andamento das obras. “Vivemos momentos difíceis, com estiagem severa em várias áreas. Temos a atenção do Presidente da República Lula e do Ministro Waldez Góes. As coisas são decididas em Brasília, mas aqui no estado demoram a acontecer. Muitas cidades estão fortemente afetadas pela estiagem. A não conclusão agrava a situação e faz com que o Estado perca a oportunidade de armazenar água no período chuvoso. É preciso cumprir prazos e agilizar serviços”, cobrou o parlamentar.

Prefeito de Currais Novos, Odon Júnior disse que a situação do município e vizinhos é de muita dificuldade no abastecimento de água. A solução é viabilizar a Adutora Seridó. Hoje a água acumulada nos reservatórios Gargalheira e Dourado só é suficiente, no máximo, até março próximo”.

Diante das cobranças, a direção do DNOCS se comprometeu a agilizar os processos para instalação dos hidromecânicos e entregar a obra concluída até março próximo.

Em relação à adutora Seridó, a CODEVASF informou que mantém em execução o trecho Currais Novos/São Vicente, para concluir em março, vai iniciar o trecho Jucurutu/São Vicente e os outros dois trechos, Jucurutu/Florânia e Currais Novos/Acari – inicialmente previstos para conclusão em setembro de 2025 – antecipar para o tempo mais curto possível. “Vamos continuar atuando junto ao Governo Federal para liberar recursos e agilizar as obras”, afirmou Fátima Bezerra.

Sobre a adutora do Agreste, também incluída no PAC 3 do Governo Federal, será licitada conjuntamente as duas etapas até abril próximo. A adutora teve o projeto original ampliado para incluir o município de Tangará.

Compromisso público

“Nos primeiros 15 dias de janeiro estaremos no Seridó para consolidar junto ao povo este compromisso de conclusão de Passagem das Traíras firmado pelo Governo do RN, MIDR, DNOCS, CODEVASF e construtoras. É imprescindível que até março, os serviços estejam concluídos para aproveitar as chuvas e armazenar água”, informou Fátima Bezerra.

Na reunião, no auditório da Governadoria, a chefe do Executivo estadual esteve acompanhada dos secretários de Estado Paulo Varela (SEMARH), Daniel Cabral (Comunicação), Ivanilson Maia, (adjunto do GAC), diretor-presidente da Caern, Roberto Sérgio Linhares; diretor-geral do Igarn, Paulo Sidney; diretor-técnico do Igarn, Procópio Lucena; Dara Guedes, coordenadora de segurança hídrica da SEMARH.

Também participaram, Rodrigo Sarmento, construtora RCA que executa obras na barragem Passagem das Traíras, Ricardo Maia, gerente de campo Consórcio Águas do Seridó, deputado federal Fernando Mineiro, representante do deputado estadual, Francisco Medeiros, José Eduardo, prefeito de Currais Novos, Odon Junior.

COMUNIDADE CAATINGA SEDIOU PRIMEIRO MÓDULO DO ALGODÃO SOBRE ARRANJO INSTITUCIONAL E PRÁTICAS DE CONSERVAÇÃO DE SOLO E BIOFERTILIZANTES


A  comunidade Rural Caatinga Grande na zona rural  de São José do Seridó, sediou nesta terça-feira,19, o primeiro módulo do algodão sobre arranjo institucional  e práticas de conservação de solo biofertilizante.

Novos agricultores inseridos no projeto Agro Sertão ( que é uma parceria entre o Instituto Riachuelo, gestão municipal, EMBRAPA, SEBRAE no objetivo de incentivar a cultura do algodão sem uso de agrotóxicos.

Coordenadores de todas as cidades que fazem partes do projeto e os novos produtores puderam conhecer  como é a dinâmica do projeto e alguns produtores que já faziam parte do Agro sertão tiveram a oportunidade de falarem de suas experiências  exitosas.

Num primeiro momento falou-se sobre o arranjo institucional,em seguida sobre a prática de conservação de solo e água.

Teve visita a  propriedade do senhor Paulo José (Paulo de Véa) onde lá foi exposto aos presentes  a realização da prática da curva de nível.

Os visitantes e os produtores locais e demais presentes puderam conhecer a produção do Biofertilizante e o beneficiamento do algodão na usina localizada num galpão do Assentamento Agrário Seridó/Caatinga Grande.

Por  fim foi oferecido um almoço á todos os agricultores, secretários de agricultura  e demais presentes ao evento.

 

Agro sertão promove ação de beneficiamento do algodão na fazenda Seridó em São José do Seridó

Com a presença de coordenadores das cidades que estão inseridas no projeto agro sertão, uma realização do Instituto Riachuelo em parceria com a EMBRAPA, SEBRAE e prefeitura  de  São José do Seridó, foi realizada hoje a ação de beneficiamento do algodão no galpão da comunidade Caatinga Grande.

Lá  está instalada a máquina beneficiadora do algodão. Esta máquina é um experimento de seu iedalizador e da EMBRAPA e segundo Arenilson , tecnico da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, a máquina que está sendo utilizada no beneficiamento é um projeto de uma parceria da EMBRAPA com a empresa idealizadora da máquina.

Nesta terça-feira,5, foi possível ser ver beneficiamento do algodão onde sua pluma é preparada para venda e os demais derivados são reutilizados pelos produtores para complemento na alimentação do rebanho.

O projeto é uma realização do Instituto Riachuelo e tem como parceiros EMBRAPA Algodão, SEBRAE e prefeitura municipal. Em São José do Seridó tem apoio do setor empresarial têxtil.

Para  a Engenheira Têxtil Renata Fonseca,representante do Instituto Riachuelo, ”o mais importante do projeto é que  tem a compra garantida além de ser um programa agroecológico sem a utilização de insumos químicos.

O secretário de agricultura de  São José do Seridó, Mariozam Medeiros ressaltou que projeto já deu certo e que a gestão municipal, nas pessoas de Jackson Dantas e Ricardo Medeiros, através da SEMAPE, secretaria a qual gerencia, está  a postos para garantir  o sucesso e a permanência deste projeto que é de grande importância no fomento da economia local.

A  comunidade Caatinga Grande/Assentamento Seridó fica  a pouco mais de 10 Km da sede do município de  São José do Seridó-RN.

SINDICATO RURAL DE SÃO JOSÉ DO SERIDÓ REALIZOU ASSEMBLÉIA DE PREVISÃO ORÇAMENTARIA PARA 2024

Com base com o que descreve seu regimento o Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras rurais,de agricultores e agricultoras familiares de São José do Seridó realizou neste domingo (3) Assembleia Geral Extraordinária em primeira convocação as 8 horas e segunda e ultima convocação ás 9 horas da manhã.

Sob a presidência de Lucinneide Medeiros o evento teve início as 8 horas com acolhimento aos sócios e sócias da entidade.

Em seguida foi apresentado aos sócios a previsão orçamentário para o exercício de 2024.

O evento culminou com a confraternização natalina com todos os sócios  e diretores da entidade.

SEMAPE  CONVOCA PRODUTORES RURAIS DE  SÃO JOSÉ DO SERIDÓ PARA DECLARAR A VACINAÇÃO DO REBANHO CONTRA AFTOSA

A segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa começou  em 1º/11 no Rio Grande do Norte, segundo informou o Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN (Idiarn).

Em São José do Seridó a Secretaria Municipal de Agricultura, pecuária e Pesca  (SEMAPE) tem dado apoio logístico  no atendimento aos produtores rurais locais com vistas garantir a saúde do rebanho.

O técnico agrícola Joel Dantas alerta para que os produtores procurem a sede da SEMAPE no prédio de Emater, na rua Joaquim Loló, para  a realização da declaração mediante compra da vacina.

A SEMAPE está aberta a população de 2ª à 6ª feira, das 7 da manhã ás 13 horas.

O produtor cadastrado junto ao IDIARN deve adquirir sua vacina em uma das lojas autorizadas a comercialização e, após isso, vacinar os animais e declarar o rebanho em um dos escritórios do IDIARN, EMATER ou Secretarias Municipais de Agricultura.

AGRICULTURA FAMILIAR É TEMA DE DEBATE NA ESCOLA JESUÍNO AZEVEDO

Agricultura familiar é o cultivo da terra realizado por pequenos proprietários rurais, tendo como mão de obra, essencialmente, o núcleo familiar ― em contraste com a agricultura patronal, que utiliza trabalhadores contratados, fixos ou temporários, em propriedades médias ou grandes.

A Escola Estadual Jesuíno Azevedo em São José do Seridó tem levantado temas importantes que são discutido na sala de aula e também experiências vividas extra-classe.

Recentemente a agricultura familiar foi tema de discurssão apresentada na unidade educacional com a presença da estudante de história da UFRN,Yasmin Isis,jovem que trabalha na agricultura familiar e na oportunidade apresentou a sua experiência na atividade, com seus familiares.

A  dicursão ainda teve a participação do professor Josimar Araujo que fez uma análise da importância da agricultura familiar, para soberania da população.

Josimar Araújo é graduado em geografia – UFRN-CERES CAMPUS DE CAICÒ(1993),tem Especialização em Bioecologia/UFRN (1997) e em Geografia do Semiárido/IFRN (2002). Mestrado em Engenharia Sanitária/UFRN (2004). Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente/UFRN (2018). Pós-Doutorado em Geografia/UFC (2020).

Mestre Josimar está no magistério há 35 anos. Por mais de 20 anos trabalhou na agricultura. Faz parte do quadro de associados da Associação comunitária rural da localidade São Paulo,zona rural de São José do Seridó-RN.

Sindicato Rural de São José do Seridó  convoca sócios e população para juntos celebrar a noite do agricultor

Próxima sexta feira,29, dentro da programação social da festa de São José 2023,acontece a noite do agricultor.

È a noite dedicado ao homem e a mulher do campo,agricultor e agricultora familiar. O sindicato rural de  São José do Seridó-RN  e toda sua diretoria faz  o convite para que todos participem da noite dedicado ao agricultor.

A  saida será da frente do STTR de  São José do Seridó, com concentração às  18:40  e as 19:30 novena e em seguida , após a novena acontecerá um sorteio.

O evento é apoiado pela SEMAPS (Secretaria Municipal de Agricultura), Câmara de Vereadores, Governo Municipal, Emater-RN,STRAAF  e  Colônia de Pescadores Z-62.

Pesquisa da Ufersa concorre a prêmio mundial de dessalinização

Uma pesquisa que beneficia diretamente três comunidades rurais do Rio Grande do Norte com tecnologias que promovem o uso adequado dos rejeitos gerados pelo processo de dessalinização é finalista do Prémio Global para Inovação na Dessalinização da Água (GPID, na sigla em inglês). Idealizada e coordenada pelo professor Nildo Dias, da Universidade Federal Rural do Semi-árido (Ufersa), a pesquisa foi iniciada em 2009 e beneficia os moradores de Boa Fé, na cidade de Campo Grande (RN); do Assentamento Santa Elza e de Serra Mossoró, ambos localizado em Mossoró (RN).

“São várias investigações sobre a dessalinização”, detalha o professor Nildo Dias, que irá participar da cerimônia de premiação na Arábia Saudita, entre os dias 01 e 03 de outubro. “São pesquisas para destinar adequadamente o rejeito salino dos dessalinizadores em comunidades rurais como, também, estudos sobre os impactos ambientais do descarte do rejeito salino e avaliação da eficiência do uso das membranas de osmose reversa no processo da dessalinização”, complementa o pesquisador.

A tecnologia criada ao longo da pesquisa permite o aproveitamento de todo o rejeito gerado no processo de dessalinização. Além da água potável que chega aos moradores, as comunidades se beneficiam com a criação de peixes, com o cultivo de plantas e hortaliças e com a alimentação de animais.

Por Saulo Valle- Jornalista

COMUNIDADE DE CAATINGA GRANDE SEDIA A 6ª UAP DO PROJETO AGRO-SERTÃO

Na última terça-feira (5), as cidades de São José do Seridó, Carnaúba dos Dantas, Jardim do Seridó, Jucurutu e Santana do Seridó se reuniram no Assentamento Agrário Seridó/Caatinga Grande para participar da 6ª Unidade de Aprendizagem e Pesquisa (UAP) do Projeto Agro-Sertão. A programação teve início às 8 horas da manhã e estava prevista para encerrar às 16 horas.

Durante o evento, diversas atividades foram realizadas, incluindo a prática do arranquio do algodão, o período de vazio sanitário e uma apresentação do local destinado ao beneficiamento do algodão, além de informações sobre os valores da pluma. Joel Dantas, coordenador da Secretaria Municipal de Agricultura, destacou que, apesar da queda de preços no mercado, o valor da pluma permaneceu em R$ 15,00 por quilo.

As Unidades de Aprendizagem e Pesquisa ocorrem em áreas rurais onde o Projeto Agro-Sertão está em andamento, promovendo o desenvolvimento agrícola e sustentável na região.

Fonte- Assessoria de Imprensa da prefeitura municipal de São José do Seridó-RN

NA SEMANA DO PESCADO  COLONIA DE PESCADORES Z 62 DE  SÃO JOSÉ DO SERIDÓ DISTRIBUI 15000 ALEVINOS AOS PESCADORES LOCAIS

Na Semana Nacional do Pescado  a colônia de pescadores Z 62 de  São José do Seridó, presidida por Gilberto Silva de Azevedo (Galego de Beê) ,recebeu da Estação de Psicultura com sede em Caicó, em parceria com o governo do Estado através da SAPE (  ,que iniciou sua participação na semana do pescado,distribuindo 15 mil alevinos aos pescadores associados á colônia de pescadores sãojoseense.

Esta ação beneficiou aos pescadores e a seus familiares além de ser de grande importância para estes profissionais da pesca.

Além da SAPE (Secretaria de Estado da Agricultura ,da Pecuária e da Pesca), a EMATER também foram parceiros nesta ação.

“Estamos seguindo, sempre buscando ações que valorizem, contribuem e sobretudo beneficie a nossa classe de trabalhadores da pesca’’-Disse Gilberto Silva – presidente da colônia Z-62.

INÁCIO QUEIJEIRO FOI PRESENÇA MARCANTE NA II EDIÇÃO DA EXPO-CARNAUBAIS

A  Cidade de Carnaubais ,no interior  RN,completou neste mês de setembro, 60 anos  e dentro de suas festividades aconteceu a 2ª edição da Expo-Carnaubais.

Este evento tem parceria do município com: Governo do Estado,EMATER/RN,SAPE,IDIARN,EMPARN,SEBRAE, SENAR,Banco do Nordeste, dentre outros.

Na  programação teve exposições de animais, praça de alimentação, concurso artesanal, e outras atrações, inclusive bandas musicais no palco da feira.

Uma ação que acontecia na exposição chamou a atenção de todos: A  fabricação de queijo de manteiga pelo mestre Inácio Queijeiro, profissional da área e conhecedor desta arte a mais de 50 anos.

Meio século de muita dedicação à sua profissão, fez de Inácio Queijeiro ,um mestre, um exímio conhecedor da fabricação e todo manuseio com queijo de manteiga,repassando para outras pessoas as experiências que adquiriu ao longo de sua trajetória.

Inácio faz questão de repassar seu aprendizado para outras pessoas que desejam adentrar no mundo da culinária como queijeiro, fabricando o queijo.

Sr Inácio queijeiro estava na equipe da queijeira “sabor do vale” do proprietário Cristiano Fernandes, da cidade de Assú, que pelo segundo ano se fez presente nesse grande evento.

Márcio queijeiro, filho de Sr Inácio, que também estava na equipe da queijaria sabor do vale, falou da importância do evento e fez uma avaliação positiva, pois o estande da queijaria zerou todo o estoque de queijo só no primeiro dia do evento, sendo necessário busca queijo em Assú para concluir a exposição que foi até  este domingo (03/09).

Presidenta do Sindicato de São José do Seridó prestigia cerimônia de conclusão de curso de psicultura básica na colônia Z 62

A  presidente do Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais,Agricultores e Agricultoras familiares de São José do Seridó ,Lucinneide Medeiros  esteve prestigiando nesta sexta feira,1, a cerimônia de conclusão do curso de psicultura básica promovido pela colônia de pescadores Z 62 e o O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) na sede da colônia, na Avenida Pedro Medeiros de Brito,180, Bairro Nova Bonita.

A convite do presidente da Z 62 , Gilberto Silva, a líder sindical e demais autoridades prestigiaram ao evento.

 

Pescadores de São José do Seridó participaram de curso de psicultura básica ofertado pelo SENAR

A  Colônia de Pescadores Z 62 de São José do Seridó-RN, numa parceria  com SENAR (O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural ), apoio do sindicatos de trabalhadores rurais de Jardim do Seridó -RN e outros colaboradores realizou nesta sexta feira,31, o curso de Psicultura básica ministrado por Jeferson do SENAR,nesta tarde.

Este curso ainda teve parceria com FAERN/SENAR  e  STR Jardim do Seridó.

O encerramento recebeu a visita de várias autoridades com Itan Lobo (Presidente da FETAP),Lucinneide Medeiros (Presidenta  do STTR de São José do Seridó-RN), vereador Daniel Andson, Betânia do Sindicato Rural de  Jardim do Seridó,sócios da colônia Z-62, dentre outros.

Gilberto Silva, presidente da colônia de pescadores, fez questão de agradecer ao apoio de todos e a presença dos convidados que estiveram apoiando esta importante ação para os pescadores locais.

Gilberto fez um agradecimento  especial a Joel Dantas e ao prefeito Jackson Dantas pelo apoio logístico que foi importante para que pescadores Sãojoseenses participassem do curso que, segundo ele, é de suma importância para a categoria.

Gilberto Silva tem realizado uma excelente gestão frente a colônia cumprindo com o que se propôs a fazer pelo crescimento da entidade.

Clareira florestal com registro de desertificação  é pauta de pesquisa de alunos da EEPRSC em São José do Seridó

Não tão obstante a realidade atual um jovem estudante lá do sitio São Paulo na zona rural de  São José do Seridó, incentivado pelo seu pai,um agricultor preocupado à época com alguns desajustes naturais e dentre este a desertificação,trouxe à tona um desejo de proteger e cuidar do meio ambiente e por conseguinte adentrar na sala e ipregnar nos bancos escolares o quão importante é preservar e a maneiras de corrigir as falhas humanas contra a natureza. Seu nome Josimar Araújo. O mestre Josimar.

Com esta concepção regada por Josimar a Escola passou a ser um grande aliado e assim o poder publico municipal também concretizou a realizaçaõ dos seus projetos.

Alunos da Escola Raimundo Silvino da Costa desenvolvem pesquisa com o  reflorestamento em clareira florestal com registro de desertificação. A pesquisa iniciou-se na estação chuvosa de 2023, com a plantio de mudas da espécie faveleira, numa clareira florestal, situada na localidade rural Melado.

 No local do estudo, algumas espécies remanescentes foram  registradas: pereiro, pinhão, xique-xique, por exemplo. A avalição será realizada nos meses de abril de 2024 e 2025.

  Com o estudo, deseja-se saber se o  o vegetal  se fixará na clareira florestal  e induzirá o recrutamento de outras espécies para o microambiente de plantio. Logo, promovendo o processo de restauração ecológica da área. Orientado pelo professor Josimar A. de Medeiros, conta com a participação do ex-aluno da instituição, Alisson Medeiros, estudante do Bacharelado em Geografia do CERES/CAMPUS DE CAICÓ.